A Gruta do Lou

Rainhas por uma noite

Esse vídeo é uma homenagem, apenas. Quero confessar que vi um pouco e fiquei pensando em algo que ouvi dizer, outro dia: “o carnaval não é legal porque as pessoas são reis por um dia e, no resto do ano, voltam a ser mendigos”.

quem sabe se não seria mais legal ligar-se nas coisas mais duradouras e menos nas efêmeras…

4 thoughts on “Rainhas por uma noite

  1. Tentei dar play no vídeo,mas aparece um escrito assim: Este é um vídeo privado. Se este vídeo estiver sido enviado para você, aceite a solicitação de amigo do remetente. Não sei como ligar esse troço, MAS SEM LIGAR MESMO, já dá pra escrever alguma coisa. Era essa sua intenção? Obrigada.

    Obrigado. Você salvou meu post. Já liberei geral, digo, o vídeo para todo mundo ver. 🙂

  2. “Quando a festa acabar
    quarta-feira raiar
    vou vestir a minha fantasia…
    com palhaços e reis
    vou viver o meu dia a dia…

    Quando o ano acabar
    fevereiro raiar
    vou rasgar a minha fantasia…
    vou pular, vou ser eu
    vou cantar, vou ser eu
    vou sorrir, vou ser eu
    vou morrer dentro da folia…”

    Palhaços e Reis – Ivan Lins

    Então, fui o autor da idéia e o Ivan fez a letra. 🙂

  3. E quanto dinheiro é gasto em besteirol, quando poderia ser empregado em coisas melhores para o povo, como maior investimento em Saúde e Educação…

    O melhor mesmo, como você disse, é pensar nas coisas duradouras, nas coisas que nos levarão a bom termo, nas coisas que não se corrompem, as traças não corroem, os ladrões não levem…

    Pensai nas coisas lá do alto…

    abçs

    É isso, mas não tenho idéias radicais como acabar com o carnaval, etc.

  4. Algumas dessas “rainhas”, são pessoas que são famosas e têm dinheiro, outras porém, passam o resto do ano em grande dificuldade, mas economizam o que não têm, para poder brilhar por uma noite. É sua noite de glória. Noite passageira, que imagino eu, no dia seguinte deve causar um tremendo vazio. Passam o ano se preparando para o grande dia. E assim também acontece com os outros integrantes das escolas. Muitos passam necessidade o ano todo, para economizar para a fantasia. Dizem que é uma das alegrias do povo, o CARNAVAL, alegria que não educa, que não enche barriga, que não atende o povo, como disse a Carmen, na área da saúde, que não trás moradia, que na realidade deve trazer divertimento aos mais abastados, que ficam nos lugares mais nobres(como sempre)assistindo de camarote, o povo com fome passar…

    Faço minhas suas palavras…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *