A Gruta do Lou

Quem mexeu no meu beijo?

fada-menorFada Menor

“Quem mexeu no meu beijo?” é a minha questão existencial.

Menino ainda, estava acordado, mas dormia. Ela apareceu não se sabe de onde. Era linda. Naquele tempo, os seres eram assexuados para o menino inocente. Ela não andava com os pés no chão, flutuava. Sua roupa era clara, mas nunca pude definir a cor, exatamente. Cada movimento dela produzia milhares de estrelinhas luminosas que iam se perdendo no espaço.

Ela parou bem na minha frente. Eu pude sentir seu aroma inesquecível. Então ela começou a falar e sua primeira palavra, dita em uma voz de sonoridade angelical, foi: Lou.

Depois continuou:

“Feliz quem teme o Senhor e você o temerá,

Quem anda nos seus caminhos e você andará,

Você comerá do fruto do seu trabalho e será feliz e próspero, e você prosperará,

Sua mulher será como a videira frutífera em sua casa, sim ela frutificará,

Seus filhos serão como brotos de oliveira ao redor da sua mesa, e eles te rodearão,

Assim você será abençoado e você receberá sua bênção,

O homem que teme ao Senhor! E você teme ao Senhor,

Que o Senhor te abençoe desde Sião, e te abençoará,

Para que você veja a prosperidade de Jerusalém e você a verá,

Todos os dias de sua vida,

E veja os filhos dos seus filhos e você os contemplará,

Haja paz em Israel, e você desfrutará a paz naquele lugar.”

Então veio e tocou os meus lábios com os seus, demoradamente e com amor. Milhares de estrelinhas luminosas nos cercaram e depois se dissiparam. Suavemente encostou sua varinha em minha cabeça e soprou. Foi-se, deixando-me encantado para sempre.

Texto base: Salmo 128

Capricornio PB

10 thoughts on “Quem mexeu no meu beijo?

  1. lindinho o post…
    Lou, finalmente respondi seu desafio das 6 coisas peculiares. dá uma olhada lá,
    beijos,
    alê

  2. ….quando eu era menina eu voava junto com minha fada madrinha….foram altos e maravilhosos voos, pena que ela sumiu.
    Abraços
    Alice

  3. Então meu amigo? Ninguém entendeu sua mensagem? Acho que alguns entenderam, mas esse negócio de fada espanta os crentes. Vincular o sagrado nome a um texto onde há uma fada, varinha de condão, beijo na boca e estrelinhas cintilantes é impensável para a grande maioria de seus leitores. Ler eles lêem e gostam, agora revelar a apreciação, nem pensar. Mas estou aqui, como sempre, ao seu lado e do outro lado a Laila manda-lhe um beijão e desperta meu velho ciúme. Também não me conformo com a benção prometida e não cumprida em sua vida. Essa Ele vai ter que me explicar tim tim por tim tim. Cara, a música do Neil Diamond é massa e a do Yes, fala baixo. Foi homenagem para a Dedé, não foi? Meu, parabéns! Gostei muito do post, da ilustração, inclusive.

  4. Khalil

    Não sei se eu já lhe disse, mas você é o meu melhor amigo. Sim a música do Yes (Dear Father) foi uma homenagem à Dedé. Também não precisava me entregar assim 🙂 . Para de implicar com a Laila, deixa ela me beijar quanto quiser. Nesse caso sou café com leite. Beijão nas crianças.

  5. Khalil, você tem razão. Li, gostei, até salvei a ilustração, mas não tive coragem de comentar. Primeiro, não tive coragem de comentar (estou tendo agora motivada por você), que a ilustração mexeu fundo com algo “lá dentro” mas que não soube traduzir em palavras. Senti vontade de chorar, eis tudo. Me envergonhei de declinar esse sentimento na Gruta, achei que seria pieguice. Segundo, não tive coragem de manifestar minha desolação. Também mexeram no meu beijo. Quando eu era bem pequena, passava as férias no Rio de Janeiro, e me levavam na Igreja Metodista do Catete, ou outra, não lembro. Lá eu via aquelas senhoras lindíssimas, ostentando colares de várias voltas de pérolas, grossos anéis de ouro nos dedos, broches e pesadas correntes de ouro, trajando costumes bem cortados, elegantíssimos, senhoras de sua posição, e eu pensava: um dia eu vou crescer, e ser uma senhora bonita assim. Mas os tempos são outros, tão duros, tão diferentes, tão tristes. Aquelas lindas mulheres se foram, não existem mais.

  6. Georgia

    Também não fui acordado com o beijo da fada. Fui encantado. Acreditei no encanto a vida toda e nada ainda. Será que ainda via acontecer? Essas fadas de hoje…

  7. Tudo no Post está lindo, ( a ilustração eu não vi,pois foi escrito em 2007), a introdução, o salmo 128, e quem mexeu no seu beijo foi a fada Dedé, que o encantou para sempre…

    Isso, isso, isso.

  8. I found your blog on google and read a few of your other posts.
    You have a great Blog!!! I just added you to my Google News Reader.
    Look forward to reading more from you in the future.

    Keep up the good work.

    Your welcome! Thank you.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *