O Impulso para a vida

fromm-erich

Parece que o nível de destrutividade encontrado em um indivíduo é proporcional ao grau em que a expansão da vida é ilimitada.

Não estamos nos referindo a frustrações individuais deste ou daquele desejo instintivo, mas ao impedimento da totalidade da vida, ao bloqueio da espontaneidade do crescimento e da expressão das capacidades intelectuais, emocionais e sensoriais do ser humano.

A vida tem seu próprio dinamismo interno: o homem tende a crescer, a se expressar, a viver. Parece que se esta tendência é bloqueada, ocorre um processo de decomposição na energia vital, que se transforma em energia destrutiva.

Em outras palavras: o impulso para a vida e o impulso para a destruição não são fatores mutuamente independentes, mas estão em uma interdependência inversa.

Quanto mais o impulso para a vida é bloqueado, mais forte se torna o impulso para a destruição; quanto mais plena é a vida, menor é o impulso para destruir. Esta destrutividade é resultado de uma vida não vivida.

Erich Fromm in Escape From Freedom

 

Capricornio PB