No fim, a vida eterna

eternal-life

Capítulo III (do Decreto Eterno de Deus), nº 3. Por decreto de Deus, por manifestação de Sua glória, alguns homens e anjos são predestinados à vida eterna e outros são fadados à morte eterna.

Confissão de Westminster de 1647

Não cogito de forma alguma outra coisa que não seja ser predestinado à vida eterna. O resto que se dane.