A Gruta do Lou

Mensageiros de Deus


“Ora, a qual dos anjos jamais disse: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos por estrado dos teus pés? Não são todos eles espíritos ministradores enviados para serviço, a favor dos que hão de herdar a salvação? ” Hebreus 1:13 e 14

Sei o quanto deixo nossos companheiros de gruta na maior saia justa quando falo dos anjos. Muitos adquiririam conceitos equivocados e formularam falsas crenças sobre os alados, infelizmente. Você não acreditará, mas já encontrei muitos que pensam ser brincadeira minha esse dom legado a mim pelo espírito, de ver e poder falar com anjos. Fazer o que…

O fato é: essas idéias não são minhas. Algumas delas estão na Bíblia a milhares de anos. Foi meu mentor em Novo Testamento quem me chamou atenção para o texto acima, na década de setenta. Segundo ele, ministrar e trazer recados de Deus são as principais tarefas dos anjos. O problema deles é que a maioria não apenas tem grande dificuldade para ouvir e discernir as mensagens, como também, não acreditam na existência dos mensageiros com asas. Muitas vezes desejei secretamente que, só por um instante, Deus desse às pessoas a mesma visão angelical que eu tinha em certos momentos.

Entretanto, se fosse só esse problema, vá lá, mas há muitos outros entraves, um deles é o fato das pessoas formularem previamente as respostas que esperam ouvir de Deus, antes do velhinho as dar ou enviar.

Tempos atrás, uma mulher me procurou e fomos ao gabinete pastoral conversar. Poucos domingos antes, eu pregara sobre esse tema e ela ficou toda incomodada. Pastor, Deus não fala comigo, não me responde e estou a tanto tempo pedindo algo a ele. Do lado dela um baita anjo me fazendo sinais de que a mulher não devia bater bem e me dizendo:

– Eu falo, falo e ela não me escuta de jeito nenhum. Você não tem idéia do que já fiz para ver se essa anta me entende, e nada.

– Sabe o que ela quer? Fiz cara de curioso.

– Ela, simplesmente, quer o marido da vizinha para ela. Pode?

Cara, estou falando, digo, escrevendo sério.

Então falei para mulher:

– Dona Fulana, a senhora pediu para Deus lhe dar o marido de sua vizinha. Certo?

Ela quase teve uma síncope. Corou ficando mais roxa que meu filho, antes da cirurgia. Abaixou a cabeça e não disse mais nada. Um monte de coisas passou pela minha cabeça, naquele instante. O anjo fez sinal de tchau e se foi, pois sua tarefa acabara, finalmente. Entendi todo o complicado plano dele, me fez pregar sobre isso e acertou na mosca, adivinhando que ela viria conversar comigo.

Isso me levou a mais ensinamentos contidos nessa passagem. Veja que o autor de Hebreus deixa bem claro que os anjos não fazem nada por nós, apenas nos instruem, resolver as pendengas é com cada um de nós mesmo. Mas se não formos capazes de ouvir o que o espírito diz às igrejas, balbau. Garanto que sua resposta está bem aí, acredite. Mas alerto, pode ser que ela tenha vindo bem diferente do que você esperava.

Às vezes, quando toco nesse assunto, minha caixa postal fica mais cheia que a da Ana Paula Valadão. Até fiz uma resposta padrão que dou a todos, afinal a resposta é uma só: “Escute o anjo, meu”. Uma das estratégias deles é falar-lhe através de inimigos, principalmente quando a resposta é algo que você não gostaria de ouvir e, nisso, os inimigos são melhores do que qualquer pessoa, pois adoram nos dizer coisas que não queremos ouvir.

2 thoughts on “Mensageiros de Deus

  1. simone :
    oi,talvez voce possa me ajudar, acontecem coisas comigo que para algumas pessoas nao sao normais.Procurei um pastor e contei a ele tudo que acontecia (esse nao era o pastor da igreja que eu era membra, era um convidado que de vez em quando pregava la) nao sei explicar, senti que contar para o pastor que gongregava ali tantos anos nao iria adiantar nada.o dificil foi ter que contar, por medo,vergonha do ele poderia dizer, que eu louca,mentirosa,ou simplismente que eu queria chamar atençao, enfim depois te passar por cima dos meus temores, da batalha que travei comigo mesma para pedir ajuda ou alguem mais estruido do que para me explicar sobre oassunto. acredite ele nao me ajudou em nada so falava dele,no fim agi como se ele tivesse me ajudado nao queria ter que repetir tudo denovo pra ele ou para quem quer que seja. mas depois que li oque escreveu, depois de tanto procurar e anos acho que encontrei a pessoa certa que possa me dar uma luz pro assunto, quero saber se posso contar pra voce e se vai me responder. obrigado pela atençao, desculpe o jeito nao mecher direito no computador,tchau.

    simone :
    oi,talvez voce possa me ajudar, acontecem coisas comigo que para algumas pessoas nao sao normais.Procurei um pastor e contei a ele tudo que acontecia (esse nao era o pastor da igreja que eu era membra, era um convidado que de vez em quando pregava la) nao sei explicar, senti que contar para o pastor que gongregava ali tantos anos nao iria adiantar nada.o dificil foi ter que contar, por medo,vergonha do ele poderia dizer, que eu louca,mentirosa,ou simplismente que eu queria chamar atençao, enfim depois te passar por cima dos meus temores, da batalha que travei comigo mesma para pedir ajuda ou alguem mais estruido do que para me explicar sobre oassunto. acredite ele nao me ajudou em nada so falava dele,no fim agi como se ele tivesse me ajudado nao queria ter que repetir tudo denovo pra ele ou para quem quer que seja. mas depois que li oque escreveu, depois de tanto procurar e anos acho que encontrei a pessoa certa que possa me dar uma luz pro assunto, quero saber se posso contar pra voce e se vai me responder. obrigado pela atençao, desculpe o jeito nao mecher direito no computador,tchau.

    1. Simone
      Obrigado por sua visita e mensagem. Sem dúvida você pode enviar suas dúvidas ou questões que responderei com o maior prazer e sinceridade, se puder. Um abraço, Deus te abençoe.
      Lou Mello

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *