A Gruta do Lou

Eu edificarei a minha igreja

“Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela”; Mateus 16:18

Jesus Galileu, em toda a sua trajetória, jamais instituiu a igreja nos moldes eclesiásticos. Se quisermos inferir qualquer abstração sobre esse texto bíblico, seremos obrigados a ater-nos a Pedro. Ele era Simão, o pescador e, então, foi elevado pelo Mestre a Petrus ou como dizemos em português: Pedro, por sinal é o nome do meu filho. Claramente, Jesus estava nomeando Pedro ao ministério e, de saída, colocando-o por alicerce dos homens e mulheres que caíssem na rede a partir dali. Nem por um segundo, ou menos, o filho predileto de Deus Pai intuiu algo como a igreja formal conhecida por nós hoje, com todo o insano aparato gerencial e suas incoerências + outras cositas.

Particularmente, credito a Paulo toda a responsabilidade pelo desenvolvimento inicial, redundando no que vemos, em nossos dias, sob o título igreja. Talvez ele não possa ser responsabilizado pela imoralidade dos Papas, Padres, pastores, ovelhas e ovelhinhas, mas seu nome era Paulo e, a meu ver, as cartas interessantes sob esse aspecto são as predrinas e não as paulinas. Bom nome para uma editora: Pedrinas ou Petrvnas. Embora, como é do conhecimento de todos, a malta insista em edificar a igreja sob a receita paulina.

Antes de alguém vir com alguma tolice, enfatizo meu apreço por Paulo e suas cartinhas, muito boas em termos de vida cristã. Poderiam até servir na edificação de boas igrejas, se fossem escritas à luz das escrituras via Pedro e melhor interpretadas ao longo de toda a era cristã. Como sempre, Pedro foi único em temos de fidelidade ao seu Senhor e Mestre, coisa um tanto desprezada pelo homem que perseguia cristãos e os entregava aos Romanos, antes de sua conversão, evidente.

Seguindo a direção dada por Jesus a Pedro, seguramente, teríamos chegado à Gruta, lugar onde congregam os não alinhados, os quais o Nazareno buscava.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *