A Gruta do Lou

Nem tanto assim

Rei Juan Carlos da Espanha

Coração Valente

Por favor continuem orando pelo Felipe que está internado no INCOR.

O Thomas passou pelo hematologista hoje. Segunda-feira, fará uma bateria de exames para detectar o que está provocando queda de plaquetas. Além disso, há uma hemo-diluição agendada no INCOR para o meio-dia e estamos pensando na melhor solução (em termos de custo benefício), talvez devamos fazer um Plano de Saúde para ele e com isso, reduzir o número de viagens a São Paulo. A hemo-diluição seria feita em Sorocaba, se houver a cobertura do plano. Cada ida a São Paulo equivale a uma parcela mensal do plano. De outro lado, não podemos perder o contato conseguido no INCOR.

Nem tanto assim

Andam dizendo por aí que Jesus homem não era nenhum santarrão. Também não era um pecador, pois ele sabia que devia se guardar imaculado devido sua missão de cordeiro perfeito, sem defeito, etc…

Não era uma missão consciente, propriamente, antes de sua maturidade chegar. Ele veio ao mundo com um programa original na HD que o conduzia rumo à sua sina nada fácil. Mas entre pecar ou não, o grande mestre trafegava humanamente por momentos de sentimentos capazes de levá-lo da ternura ao ódio. Quando criança, salvo aqueles dias em Jerusalém em que ele deu um show de espiritualidade no templo, junto aos sacerdotes, caminhou dentro de certa naturalidade, como qualquer menino judeu. Adulto, antes de iniciar seu ministério, pouco-a-pouco, seu hábito de isolar-se e praticar longas caminhadas foi chamando a atenção de Maria e seus irmãos.

Foi seu bom humor e ironia que contrapôs-se a certos acenos movidos por extrema amabilidade ou instantes de ira. Geralmente, aconteceram diante de pessoas injustiçadas pelos outros ou pela vida. Ainda menino, divisou um carneiro preso pelas patas em um lodaçal. Aproximou-se do animal e fez-lhe carinho procurando acalmá-lo, enquanto observava a situação. O bicho estava exausto devido sua luta para tentar libertar-se e, diante da presença do mestre, deitou-se e acalmou-se. Jesus pode cavar em volta das patas e, em poucos minutos, estava liberto. Um mulher mal falada aproximou-se do poço onde o Nazareno estava descansando. Ele dirigiu-se a ela, pedindo que lhe desse água para beber. Ela própria, surpresa, o repreendeu por dirigir-lhe a palavra, pois sabia que isso poderia manchar-lhe a reputação de santo. Entretanto ele não incomodou-se. Pedir-lhe água foi um gesto redentor e antecipado a qualquer dogma ou crença idiota, fosse de qualquer religião vigente.

O comércio no Templo, coisa que em nosso tempo não existe mais, deixou o Galileu muito bravo. Como qualquer um de nós faria, se encontrasse tal situação na “Casa de nosso Pai”, saiu expulsando aquela corja de malandros, bem como suas ferramentas de lucro e extorsão.

Fez tudo isso sem perder a ternura jamais. Nunca disse a ninguém expressões chulas como “cala a boca aí meu” ou “Por qué no te callas?“, mesmo sendo rei e apesar de certas pessoas merecerem muito mais do que isso. Mas nada disso o isentou dos sentimentos humanos próprios a essas ocasiões.

Foi homem sem perder a majestade e rei sem perder a humanidade.

Powered by ScribeFire.

5 thoughts on “Nem tanto assim

  1. “Foi homem sem perder a majestade e rei sem perder a humanidade.”

    Uma citação maravilhosa sobre Jesus!

    Viajei agora com este post.. !

  2. lindo texto! Quanta perfeicao num homem só!!!! Ainda bem que O conhecemos!
    Um grande abraco Lou e Deus te abencoe grandemente com sua companhia e soberania. O resto é só oracao e esperar as bencaos, que muitas vezes parecem demoradas, é verdade, mas sabemos que o tempo de Deus nao é o nosso, nao é verdade?
    A nossa única certeza é que ele chegará com a nossa vitória.
    Disseste bem, minha viagem foi realmente um aprendizado! Qualquer hora destas compartilhamos.

  3. “coisa que em nosso tempo não existe mais” e
    “qualquer um de nós faria”
    🙂
    🙂
    ok, Lou, ok!!! 🙂 🙂

    beijos,
    Alê

  4. Graaaannde homem Jesus, e Maravilhooooooso Deus !
    ainda bem que na terra temos a Jesus para nos espelhar, pq pelo jeito que anda a carruagem dos ditos ‘santos’ …só Jesus.. ou melhor, pensando bem, sempre foi : só Jesus !

    bjus para todos aí !

  5. Pingback: Lou Mello

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *