A Gruta do Lou

Interpretando a Morte II

Foto surrupiada via Flickr

Façam uma coisa sem deixar de fazer a outra.

Quero liberar todos os leitores para continuarem suas leituras, normalmente. Por favor não queimem mais seus livros em praça pública alegando a Gruta como base para tal desatino.

Minha intenção era, apenas, despertar alguns para o estudo sério da hermenêutica e a todos a continuar lendo a velha e boa bíblia com humildade e intensidade.

Nosso pessoal de plantão recebeu vários E-mails dando conta de iniciativas localizadas com o fim de por fogo nos livros, especialmente os citados por mim, em nome da boa ortodoxia. Nada poderiam me desagradar mais. Além de queimar bons livros, fazer isso em benefício dos meus maiores rivais é uma ofensa gravíssima ao velhinho aqui. Se não os querem mais, enviem para cá. Meus agentes encontrarão famílias adotivas confiáveis para eles.

Como diz o Brabo , pessoal da ANA não dorme no ponto.

Se alguém ou alguma organização estiver precisando de um bom gerente de empresas sem fins lucrativos e estiver disposto a pagar um salário justo por uma jornada honesta de trabalho, me avise, por favor. Se for nas áreas: religiosa, social, esportes ou educação, beleza. Perto do mar, perfeito. A coisa aqui tá ficando darkness. Pode ser só a consultoria também, até prefiro.

לּהּמּ

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

2 thoughts on “Interpretando a Morte II

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.