GrutaNet (Rede Gruta), enfim.


E o futuro da Gruta chegou, uma rede distribuída com postagem aberta, interconectividade entre todos os participantes, eventos, destaques, grupos, fóruns, debates, fotos, vídeos, aniversários, enfim, um montão de novidades. Tudo sem qualquer manda-chuva, moderador, presidente, rei e muito menos pastor.

Demorou para sair, por motivos alheios à minha vontade, mas sou o velho e bom caipira, lembram? Caipira tarda, mas não falha.

Mas a idéia é essa e o blog A Gruta  já disse: “Convém que a GrutaNet cresça e eu diminua.”

Por aqui, de agora em diante, só as minhas idéias, inquietações, principalmente com essa gente maltrapilha, fruto de um evangelho mendigo que ainda lutava contra o pecado e acreditava em perdão incondicional e todas essas bobagens teológicas ultrapassadas. Se você quiser ler algum tipo de missão na integra, certamente não será aqui o lugar certo. Procure lugares mais quentes.

A Gruta segue o caminho dela de rede distribuída, todos interagindo e a rede crescendo. Não há como controlar esse tipo de coisa.

Meu, clica na figura e vai para lá correndo, fazer seu registro, não para fazer parte, mas para poder logar e interagir. Dizem que não há muitas vagas, embora não acredite nisso. Tudo muda e isso também mudará.

Seja feliz! Sniff, sniff, sniff.

Lou


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *