Genézio, de onde vem o nosso socorro? Até hoje você não sabe?

Genézio em sua leitura predileta, talvez.

Genézio Darci, vulgo Leonardo Boff (Leonardo é um nome menos popular, afinal), deu entrevista ao famosíssimo blog “Carta Maior” e, entre outras insanidades e equívocos, declarou:

“Nenhuma mudança, a meu ver, em nenhum lugar do mundo, vem de cima. De cima sempre vem mais do mesmo. É a lógica do poder que somente se mantém acumulando mais poder ou se aliando a outros poderes. As mudanças vem de baixo, daqueles que tem outro projeto de sociedade e acumulam suficiente poder social a ponto de se impor ao poder dominante. Aí haverá uma troca de sujeito de poder com capacidade de impor novas regras do jogo político, mais democrático, participativo e ético”.

Meu, o cara se diz teólogo cristão mas não lê a Bíblia. Ele não sabe que as maiores e mais significativas mudanças da história da humanidade, de caráter libertador, deu-se de cima para baixo, ou seja, Deus, através de Moisés e Arão libertou o povo judeu da escravidão a que estavam submetidos no Egito, fora outros relatos.

A maior e mais relevante mudança processada por Deus em favor da humanidade deu-se através de Jesus Cristo, abrindo caminho em meio à morte para que a humanidade não perdesse a vida e não fosse excluída da face da Terra. Esse relato também se encontra na Bíblia.

O Boff, se fosse mesmo um sacerdote cristão, deveria estar na trincheira dos evangelistas, cuja missão é propagar a graça. Quanto aos pobres, sempre os teremos conosco, como nos orientou Jesus Cristo, pois são vítimas daqueles que contaminam a si mesmos e aos indefesos. Lobo em pede de cordeiro, não seria ele um falso profeta?

Cabe-nos cuidar dos pobres, libertando-os da pobreza e não contribuindo para institucionalizá-la cada vez mais, como faz o Boff e seus amigos. Salvo engano.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *