A Gruta do Lou

Ele voltará

 

Nós só veremos os pobres, os doentes, os sofredores nesta vida. Até Jesus Cristo sofreu quando esteve por aqui. Imagine nós, que não temos as costas largas que ele tinha.

Alguém disse, certa vez, algo mais ou menos assim: “Deus não enxerga pobreza, doença ou qualquer outra das misérias comumente vistas nessa vida, pois onde ele vive, elas não existem”. E mais, quando Ele olha para nós, recebe a imagem limpa, perfeita e sem manchas, porque não vê a imperfeição.

O Apóstolo Paulo disse, em algum dos textos bíblicos atribuídos a ele, algo com o seguinte teor: “O exercício físico para pouco se aproveita, pois só serve para essa vida. Na vida eterna não tem serventia alguma”.

Então, me parece ser uma conclusão óbvia dizer o quão minúsculo é viver sob o propósito de cuidar e/ou socorrer os pobres. Eles próprios precisam muito mais do que isso.

Quando Jesus disse ter vindo para os doentes pois os sãos não precisavam de médicos, aliás eu acho ótima essa frase, por mim ele poderia até ter dito que ninguém precisa de médicos, muito menos se forem cubanos, ele estava se referindo à doença da alma, o pecado, pois essa é a doença capaz de roubar a vida eterna das pessoas. E, segundo dizem, ele tratou a todos mesmo, morrendo pelos pecados de todos nós. Com isso abriu as portas da vida eterna, no Reino de Deus, indiscriminadamente, para todos. Isso porque era ele, pois se fosse eu deixava uns e outros fora. Até eu mesmo não merecia essa atenção toda.

Quando celebrou a ceia, ele disse aos seus discípulos: “Fazei isso em memória de mim até que eu volte”. Em outras palavras, essa é a verdadeira razão da nossa esperança. Estou falando agora como membro da igreja de Cristo. Se Jesus não tivesse morrido, não haveria salvação para a humanidade, não tanto pelo sacrifício, embora isso satisfaça quem acha isso necessário, geralmente os pagãos. Mas ao morrer, ele assumiu o compromisso de voltar, ou seja, Ele voltará! Por isso deveríamos viver, e por nada mais.

Entendi isso finalmente, quando meu filho se foi. Ele, a meu ver e de todos nós, tinha um corpo doente. Ao morrer ele herdou a vida sem mácula que lhe foi outorgada por Cristo. Em outras palavras, isso era tudo que ele desejava e nós também. As palavras de Jesus Cristo, “é necessário morrer e nascer de novo para que tenham vida” agora faz todo o sentido. Sem isso, ele não viveria.

Então, pelo que você viverá? Por seu corpo que em breve ao pó tornará? A que ou a quem você dedicará a sua vida atual? Aos pobres ou a propagar a esperança da volta redentora do Cristo que a todos incluirá, inclusive os pobres e todos os sofredores?

Viveremos sob a notícia de que Ele voltará.

morcego-12

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.