A Gruta do Lou

Efeito Seleção


Olha só, tenho criticado o lado dos “interesses” existentes no futebol que, muitas vezes, extrapolaram com venda de resultados e acordos espúrios, etc. Mas reconheço a existência de um lado importante para o qual o futebol faz toda diferença, entre nós. Falo da motivação resultante do desempenho da nossa seleção. Há vários trabalhos que demonstram a mudança de comportamento para melhor em tempos de vitórias do nosso futebol.

Os nossos pilotos de Fórmula Um (e outros vencedores em diversos esportes), quando venciam (Em especial, o Ayrton Senna) causavam algo semelhante. Essas vitórias dão ao nosso povo algo parecido com o que a Família Real da Inglaterra dá ao povo inglês. Por que será que nos tempos da guerra fria Estados Unidos e União Soviética faziam os maiores esforços para um vencer o outro?

Portanto, é desaconselhável fazer crítica negativa contra a nossa seleção, em especial, denegrir nossos jogadores, técnicos e etc. Nenhum povo foi mais abençoado pelo futebol do que nós, não só pelo sabor das vitórias, mas também pela motivação que ele nos dá para tocarmos nossa vida com orgulho em alta.

Dia desses, o presidente quase vitalício da Embraer, o Sr. Osíris Silva, narrou uma conversa que teve com três membros do comitê de seleção dos agraciados pelo Prêmio Nobel, ocasião em que perguntou a eles por que o Brasil nunca teve alguém laureado. A resposta foi, no mínimo, “sui generis”, eles disseram que todas as vezes em que havia um brasileiro (a) na lista dos prováveis laureados, eles ficavam perplexos com a atitude do nosso povo caindo de pau nos possíveis indicados e preferiram não causar mais problemas para nós, não concedendo o prêmio.

Estamos diante de nós mais uma possibilidade de sermos assertivos e positivos para com nossa seleção, em especial, com nossos jogadores. Nós sabemos quão difícil é para os adversários conseguirem nos vencer. Se houver alguma roupa suja, depois nós lavamos em casa e entre nós.

Tente escrever ou falar alguma coisa positiva na próxima oportunidade ou, na melhor das hipóteses, não escreva ou não fale nada, assim estará contribuindo positivamente para todos nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *