A Gruta do Lou

Coiotes

Por alguma razão transcendente, acabei dando de frente com um monte de manifestações anti picaretas do evangelho, hoje. Comecei assistindo uma manifestação bizarra de um antigo líder, que até pouco tempo atrás andava nas mesmas estradas e até hoje não explicou direito seus pecados prosperadores e nem os outros, depois foi um blog atrás do outro, de tal maneira que a coisa virou quase um mantra epidêmico.

Acho muito bom, afinal os caras merecem a denúncia. Profissional no ramo do levantamento de fundos, inocente e imprudente o suficiente para ter feito a opção ética, desde o princípio, decisão que me valeu a pobreza compulsória, fora os sonoros pontapés no traseiro sempre que insistia nessa postura decadente, entendo que estes senhores, com ou sem bigodes, com ou sem perucas ou com ou sem os cabelos pintados, me prejudicaram sobremaneira. Nos últimos tempos, andaram jogando na mesma vala todos os captadores de recursos, sem distinguir os éticos dos não éticos. Uma pena.

Mesmo assim, continuo mais preocupado com outro tipo de picaretas, pois esses são caras de pau o suficiente para praticar suas falcatruas evangélicas em plena luz, ou seja, em seus púlpitos eclesiásticos, televisivos ou cibernéticos. Os mancebos mais preocupantes, a meu ver, são os tais mencionados por ninguém menos que Jesus o Nazareno, ou seja, os tais lobos em pele de cordeiro. Sabe, aqueles mais malandros, refinados, sob mantos mais ortodoxos, fala mansa, roupa de grife, sem gravata e doutorado na parede, mestrado já serve? Nada contra a pós graduação, tenho um monte de amigos cheios desses títulos, eu mesmo já andei buscando os meus e, certamente, nenhum de nós  irá para o inferno por ter usado esses canudos para iludir o próximo.

Um dos caras que mais arrecadou grana na história do cristianismo foi um inglês chamado George Miller. Era um senhor cristão sério e lutava por uma causa justíssima: os órfãos da Londres pobre de outros tempos. Acontece que essa figura nunca pediu um centavo qualquer e se gabou disso a vida inteira. Por isso meu caro, pedir demais, não pedir ou pedir na conta certa não condena nem absolve ninguém.

Se você está preocupado com os lobos notórios, faz bem, só não esqueça de olhar sob o manto dos bonzinhos para verificar se não há pelo de coiote por baixo.

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

12 thoughts on “Coiotes

  1. Pingback: Lou Mello
  2. Pingback: Lou Mello
  3. De tanto levar…fiquei vacinada. Até o meu cachorro sabe, que não adianta fazer carinha triste pra conseguir algo, precisa merecer, e antes de merecer, convencer.

    A mais pura teologia das obras… 🙂

  4. Não tem jeito Lou, o Senhor sempre foi traído por aqueles que dizem amá-lo!
    Chicote neles!

    Essa é uma teologia do Antigo Testamento, olho por olho, etc. O pior é que vamos ter que receber esses caras com flores, naquele dia. Já pensou?

  5. Pingback: Lorena Souza
  6. Coitados dos lobos, são uns bichos tão simpáticos. Acho uma maldade compará-los a bandidos.

    Os lobos selvagens não são coisa boa de se encontrar por aí, em noite de lua cheia ou outra. Dormi uma noite em um lugar onde se ouvia os bichos uivando a noite toda. Pode ter certeza que só dormi depois de ter certeza que minha porta estava muito bem fechada.

  7. KKKKKKKKKKK….

    Lou, não precisa mudar o nome do bicho, os coiotes também são mais honestos que as pessoas a quem você comparou.

    Aliás, até as víboras são melhores, só atacam para comer e em defesa própria.

    O coiote é uma variação do lobo, um pouco menor e encontrado na América do Norte, região do Alaska. Aliás o bicho da foto é um deles.

  8. Os ídolos que falam são sempre mais nocivos que os ídolos mudos. João já dizia que eles apareceriam!

    Conheço um que, em termos de falar, deve ser o campeão.

  9. A alcateia, uma porçao de lobos, nada mais sao que uma derivaçao dos veados, como assim quem conhece o ralf, aquele sao bernardo que protege as ovelhas do veados ou lobos, os lobos sao animais femeas que pensam que sao machos.

    Seu comentário pode ser entendido como homofóbico, e o poder que se move nas sombras das decisões do nosso congresso, simpático às causas gays pode não aprová-lo, como fiz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.