A Gruta do Lou

A Felicidade não se compra, nem em Wall Street

Thomas H.

Dia 11 de maio

A felicidade não se compra, nem em Wall Street.

… hoje, meu filho Thomas completaria 31 anos. Acho que a maioria dos leitores sabem sobre ele já ter nos deixado, vinte dias antes de completar 25 anos de vida. Vou escrever para ele, se for possível, ele lerá.

Sabe filho, eu nunca te disse como me sinto privilegiado em ter convivido com você naqueles 25 anos. Aprendi com você a não esmorecer, mesmo diante de certas impossibilidades legadas pela vida. Nem em sonho eu vivi alguma dificuldade como você experimentou e não me lembro de nenhuma reclamação quanto às suas dificuldades. Você foi, é e sempre será um imenso exemplo para todos, familiares, parentes, amigos, turma do Chaves, etc.

Evidentemente, gostaria de ter você por aqui, agora morando em São Paulo, uma das suas vontades não efetivadas, embora tenha partido daqui, após aquela cirurgia malfadada. Moramos em um apartamento na zona oeste, quem diria. Às vezes, quando entro no quarto do seu irmão, imagino sua cama ali, suas coisinhas, suas roupas no armário. Certamente ali seria o seu lugar na casa.

 

 

 

Homenagem do pessoal ligado ao Chaves

 

Eu tinha mais de sessenta anos e pensava como organizar algo seguro para você, caso eu partisse. Dizia ao seu irmão para ele também pensar nisso. Várias pessoas se foram logo depois de você, como suas avós. Mas não seria surpresa nesse caso, você mesmo ser capaz de sustentar-se e ainda cuidar de sua mãe e dar uma força para sua mãe se ela precisasse.

Enfim, não foi assim. Seu tempo estava estipulado pelo Maioral para 25 anos e foi tudo razoavelmente bem. Ele sabia como deveria ser. Nós vivemos com essa imensa saudade de você e estamos resignados a viver com esse sentimento tremendo.

 

Daqui olho para os DVDs que você me deu no meu aniversário como se fosse um recado de Deus. Duas grandes lições sem encerram ali e se completam. De fato, “A felicidade não se compra”.

Um baita abraço, do tipo urso, de tirar o fôlego para você.

 

 

 

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.