A Gruta do Lou

Nossa casa, enfim. Eterna enquanto durar.

Maura-Tierney-1500x1080 Nossa casa, enfim. Eterna enquanto durar.

Maura Tierney

Todo mundo pensando que não voltaríamos. Mas como bom e fiel grutense, eis-me aqui traveis.
Preciso tomar cuidado com essa mania de escrever errado. Daqui a pouco estarei falando a língua dos pobres (assim ensinou nosso professor do mestrado) como nosso presidente.

Acho que em termos de más notícias relacionadas às coisas materiais, essa semana foi inigualável. Fui ameaçado por todos e de todas as maneiras. Mas a vida continua, companheiro. Segundo aconselhou sabiamente meu amigo do “Em busca do primeiro milhão” (quero ficar amigo desse cara), sairei da zona de conforto e entrarei no desconforto, segunda-feira, o dia das grandes mudanças e decisões. Aliás, já decidimos: Go back to São Paulo, nossa cidade natal e querida. Dessa vez é sério. Só falta arrumar a morada. Se você tiver algum palacete desocupado lá e estiver disposto a cedê-lo com alguma carência (uns dez anos já chega) me avise.

Estava pensando em ecologia, até me filiei oficialmente ao Greenpeace, (viram?) se eles quisessem, eu trabalharia para eles para o que desse e viesse, e comecei a pensar uma bobagem. Sabe aquela história de Jesus sobre os sinais (terremotos, furacões, tsunamis) anunciando o fim, mas sem ser o fim, exatamente. No final ele deixa claro que o fim virá de uma forma total (textos escatológicos dos evangélicos Mt 24; Lc 21; Mc 13) Será que esses eventos naturais que estamos vendo, cada vez mais frequentes, seriam os tais sinais que anunciam o Gran Finale.

Pô, se for isso, então terei que mudar minha agenda. Certo Volney? Viver e desfrutar ao máximo, cada dia, e tentar convencer mais gente a pular para dentro da Arca. Estava pensando em mudar o Blog de Gruta para Arca. Talvez faça uma enquete para saber a opinião geral. Como vocês sabem, na Gruta existe a verdadeira democracia. Todo mundo faz, unânimes, o que eu mando, com doçura, claro. Afinal, foi assim que nos ensinou Che. Deixa a turma da reforma ler isso.

Às vezes penso que não seria mal se o mundo acabasse now. Imagine, que bobagem. Só eu mesmo para pensar uma sandice dessas.

Vamos ver o que a nova temporada de furacões nos reserva. Tomara que seja só mais alguns sinais. Orarei para Deus adiar um pouco mais o apocalipse. Bonito esse nome, não?
E o Brabo hein? Cara, não paro de pensar nele. Pensei em fazermos um grande abaixo assinado, passeatas em Santa Felicidade com placas: Abre, abre, abre… Meus dias nunca serão mais os mesmos sem aquela possibilidade (comentar na Bacia).

Bom, estamos de volta e isso muito me alegra. Espero que você esteja alegre também. Se quiser materializar a alegria, fique a vontade, não o rejeitaremos de jeito nenhum. Ninguém aqui é orgulhoso, a esse ponto.

Grande beijo a todos.

Powered by ScribeFire.

Maura-Tierney-1500x1080 Nossa casa, enfim. Eterna enquanto durar.

Comments

comments

Comentários

  1. É sempre bom estar na Gruta..

    Quer comentar no Brabo, faz igual eu..

    Parabenizei ele pelo orkut….hehehehehe

    Abraços

  2. Lou em Agosto de 2005 foi embora do Brasil com Mulher e dois filhos as passagens na mão e 1000 euros que consegui vendendo o pouco que tinha sobrado. Em Roma me esperava o meu melhor amigo Maurizio que me ofereceu teto e comida ate eu conseguir me arrumar de novo mais um Tio meu que prometeu ajudar.

    A primeira etapa foi em Milão quando cheguei e desci do avião me senti um profugo não tinha nada atrás e nada na frente.

    Dois anos se passaram e agora moramos em um apartamentinho alugado ainda sem toda a mobília,os filhos estudam na escola publica eu e a minha mulher trabalhamos.

    A saudade do Brasil è enorme mas eu hoje sou um cara feliz.

    Um abraço meu frate!

  3. Guido

    Fizemos isso em 1987, quando fomos para os EUA. Não ficamos muito e acabamos retornando. Até hoje lamentamos não ter insistido mais para voltar com o famoso pé de meia.
    Agora voltaremos para nossa cidade, e sem o maldito pé de meia, outra vez. Espero acertar, uma hora dessas. Obrigado por compartilhar sua experiência aqui.

  4. Bem vindo de volta…mas deixe como gruta mesmo.

    Quanto ao seria bom…bom nada, seria ótimo (Rm 8:18) . Maranata sempre !

    Abraço

  5. Enfim ativaram a velha e boa Gruta. Também acho que são todos sinais do Apocalipse, inclusive esse problema na Gruta e o lamentável fechamento do Brabo.

    Abração.

  6. Finalmente! Eis a velha Gruta de volta, após grande sorte de maltrapilhos terem se perdido nas trevas sem o alento do blogue. Ê, Lou! Culpa sua!

  7. ” Mas a vida continua, companheiro… ”
    Antonio Pinto, meu professor de filosofia, diria: “Isto é filosofia!” (…) Quando venho por aqui, sempre levo algo comigo.

  8. Gruta pode ser Arca. Arca pode ser Gruta. “A rosa não muda de perfume se lhe dermos outro nome…”
    em off: que mulher linda esta Maura, não!!!
    Ir prá lá, vir prá cá… sei não. Como disse o poeta: “caminante no hay camino, se hace camino al andar…”
    Acho que saio de Soro em 5, 6 anos. Vamos direto prum litoral deserto. Se o litoral ainda estiver lá…